quinta-feira, 1 de outubro de 2009

A beleza dos sufrágios

Em mais uma demonstração de serviço público, as GV tentaram obter uma reacção dos cabças-de-lista dos seis partidos mais votados nas eleições legislativas. Pois... tentaram, porque não conseguiram. Eis as diferentes razões:

- José Sócrates encontrava-se a admirar-se ao espelho há já várias horas;

- Manuela Ferreira Leite (depois de me congratular por, finalmente, ter percebido o significado do matrimónio com a chegada da Mariana) declinou o convite, uma vez que não queria ter a linha ocupada... É que Santana Lopes poderia ligar. É que a líder do PSD já tinha tentado contactar variadíssimas vezes PSL para agendar acções de campanha e, aparentemente, o telefone tocava, tocava...;

- Paulo Portas tem-se masturbado continuamente desde Domingo pelo que achei pouco interessante contactar com ele;

- Francisco Louçã estava, há várias horas, a espetar agulhas num pequeno boneco semelhante a um certo líder de direita;

- Garcia Pereira escusou-se, uma vez que estava em pleno exercício orçamental do custo de uma revolução armada. Isto de começar a receber subvenção do Estado permite outros voos;

- Por fim, Jerónimo de Sousa escusou-se, no seu estilo, de forma delicada e afável. Segundo ele "estou a escrever o discurso de vitória das próximas eleições... sabe que, por vezes, deixo a coisa para a última da hora e nem sempre tenho tempo para escrever estes discursos. Estou com um tempito disponível agora e vou já despachar isto. Já fica feito!"

Sem comentários: