quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

A Ordem é rica...

Convosco, psilipe, novel produtor-executivo de obras cinematográficas de gosto duvidoso! Passo a explicar... lembrou-se a Ordem dos Psicólogos Portugueses, para promover um Congresso Nacional que organizará, encomendar a produção de um filme publicitário dirigido aos potenciais participantes. É sempre bom constatar para onde foram os 72 euros (mais uns tostões de juros de mora) que paguei de quotas, para poder manter a cédula profissional de alquimista. E que bom é saber que, daqui a um mês, vou poder contribuir para mais sequelas deste filme. E que no mês seguinte serei, novamente, produtor executivo (aquele que investe...) de outra qualquer maravilha da Sétima Arte.

Serei, no fim de contas*, quem sabe, candidato a um Oscar, enquanto produtor executivo de tais maravilhas artísticas...

Lá diz o povo... A Ordem é rica e os frades são poucos. Ou então, não.

PS: valha-nos a ironia e o humor para gerir tais disparates da "minha" Ordem.

* Falando em contas, apetece-me voltar aos pontos de vista que expus aqui... Acho que o tempo me está a dar razão, infelizmente.


Sem comentários: