quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Quanto mais me bates...

... menos gosto de mim.

Assim, sim, devia ser dito o provérbio, quando aplicado às relações disfuncionais.

2 comentários:

Manuela Cunha disse...

Bem verdade!!!

psilipe disse...

Yap. Saíu, de repente, numa consulta e fez-me muito, muito sentido.