quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

O que se aprendeu, hoje, com a Mariana?...

A benção de o nosso nome constar no cartão de cidadão da Mariana, na secção da filiação, permite que, sem aviso, possamos aprender coisas que nos demonstram que, aos 31 anos, podemos, caso não tomemos conta de nós, perder a capacidade de apreciar as coisas simples e singulares do mundo.

Hoje aprendi que se colocarmos umas sapatilhas nas mãos, outras nos pés e um gorro comprado na Covilhã, enquanto dizemos "Rrrááááuuu" podemos ser um dinossauro.

Hoje aprendi que podemos ser perfeitamente felizes, pensando num futuro profissional em que acumulamos os trabalhos de "carteira", "pirata" e "gata".

Mais uma vez, obrigado Mariana. Como complicamos aquilo que, tantas vezes, pode e deve ser simples.

Sem comentários: