sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Um filme que (me) diz muito...

Ser alquimista da mente traz muitos bons momentos. Partilhados, não vividos de forma umbiguista, na lógica de uma construção de conjunta e de um processo contínuo de ultrapassagem de dificuldades vistas, tantas vezes, como intransponíveis.

Ser alquimista da mente é uma responsabilidade. Ser alquimista da mente leva a que sejamos "o herói" de alguns miúdos. 

Ser alquimista da mente é coisa séria. Mesmo.

Ser alquimista da mente dá-nos a feliz oportunidade de sermos actores secundários em filmes como o que aqui vos deixo. E, atenção, apenas actores secundários. Nunca mais que isso (por muito tentador que seja)... E é.

video

Sem comentários: