quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Boca santa *

“O arquiteto deve resistir à tentação de pôr a assinatura, às vezes também dizem deixar a marca. Aqui o que é preciso é rigor e restabelecer o que era a arquitetura, neste caso belíssima”.

Frase de Siza Vieira, na apresentação do seu Projecto para o Centro Interpretativo de Angra do Heroísmo.

Chapeau.

Espero que o tenham poupado a uma visita às (eternas) obras da nova Biblioteca e Arquivo Público de Angra do Heroísmo.

Seria pior que uma prova de esforço. Um homem daquela idade podia ter uma coisa má perante tal cenário.

* Expressão terceirense utilizada quando alguém diz algo absolutamente certo.

Sem comentários: